Picos-PI, 14 de agosto de 2019
Cidades

Em Parnaíba, Bolsonaro diz que vai acabar com co-co; “comunistas e corruptos”

O presidente Bolsonaro em seu discurso em Parnaíba criticou os governadores do Nordeste, defendeu a posse e o porte de armas e disse que seu governo não irá aprovar ideologia de gêneros nas escolas.

“Alguns governadores querem separar o país. Eles estão no caminho errado. O caminho é um só país”, disse o presidente acrescentando que “acabou a roubalheira no Nordeste”.

No discurso que durou 14 minutos, Bolsonaro  foi ovacionado e disse várias vezes que quer acabar com o “co-co” no Brasil, que denominou como “uma raça de corrupto e comunista”. Assista o vídeo;

Bolsonaro elogiou o prefeito de Parnaíba, Mão Santa, e disse que o Brasil tem tudo para dar certo. “Estou aqui no Piauí com esse prefeito maravilho. Juntos vamos varrer a corrupção e o comunismo do Brasil”, afirma Bolsonaro.

Bolsonaro e o prefeito de Parnaíba, Mão Santa – Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

Bolsonaro voltou a criticar ideologia de gênero nas escolas. “Cada vez menos nossas escolas vão ouvir aquela coisa do capeta chamada ideologia de gênero”, criticou.

O presidente também relembrou o momento em que foi esfaqueado e  afirmou que é “milagre de Deus” estar vivo.  Bolsonaro estava acompanhado da Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e disse que é ela é uma mulher pioneira.  Após Bolsonaro, Mão Santa também falou. Os dois tiraram  fotos com apoiadores.

O presidente Jair Bolsonaro chegou à Parnaíba, no litoral do Piauí, por volta das 9h40, desta quarta-feira (14). Acompanhado da primeira-dama, Michele Bolsonaro, e dos ministros da Casa Civil, Onyx Lorenzoni; da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas; do Desenvolvimento Regional; Gustavo Canuto, e da Agricultura, Tereza Cristina, ele foi recepcionado sob gritos de “Bolsonaro” e a “nossa bandeira jamais será PT”.

Após aterrissagem, o presidente decolou em um helicóptero e sobrevoou os Tabuleiros Litorâneos por cerca de 20 minutos. Na comitiva está ainda o prefeito de Teresina Firmino Filho. O governador Welligton Dias também recepcionou o presidente juntamente com deputados federais, mas não participa do sobrevoo.

Após o passeio aéreo, Bolsonaro se dirigiu para a sacada do aeroporto de Parnaíba e quebrou o protocolo. Primeiramente, estava previsto o pronuncionamento do prefeito de Parnaíba Mão Santa, mas o presidente pegou o microfone e declarou que “nordestino é cabra da peste e que vai acabar com os “Co-Co”, que, segundo ele, significa corrupto e comunista.

No aeroporto, Bolsonaro receberá  o título de cidadão piauiense.A agenda no litoral do Piauí encerra com a inauguração da primeira escola militar do Sesc no país.

Fonte: Cidade Verde

BANNER MATÉRIA FINAL 2

Deixe um comentário