Picos-PI, 15 de setembro de 2020
Polícia

Falso instrutor de autoescola é preso suspeito de vender CNHs em Picos

Um falso instrutor de autoescola foi preso suspeito de estelionato na cidade de Picos, no interior do Piauí. Segundo o major Estanislau Felipe, comandante do 4º BPM, ele vendia CNHs (Carteira Nacional de Habilitação) a R$ 320, documentos que nunca seriam entregues às vítimas. O suspeito, 48 anos, teria feito também vítimas no estado de Pernambundo, incluindo um prefeito.

Foto: divulgação PM-PI

Ele, que é natural da cidade de Oeiras-PI, foi preso nessa segunda-feira (14) em uma lanchonete na cidade de Picos.

“Ele marcou um encontro com uma vítima em uma lanchonete onde receberia a última parte do valor referente à renovação de uma CNH que ele oferecia a R$ 320.  Questionado se trabalhava em alguma autoescola ou era algum espécie de despachante, respondeu que não, e confessou que tratava-se de um golpe, onde vendia CNH’s, que nunca seriam entregues”, explica o major da PM.

Com o suspeito foram aprendidos crachás de instrutor de autoescola e também professor de instituição de ensino à distância utilizados para ludibriar as vítimas, de acordo com a PM. Nos crachás apreendidos há o nome de “Manoel”, identididade falsa do suspeito.

“Ele dava aula de inglês em Araripina-PE, mas era falso professor, pois se dizia professor de muita coisa. Nos golpes anteriores em Pernambuco, há três anos, ele também se passou por professor de teatro e violão, além de cantor, representante do Ministério da Cultura e diretor-presidente da Companhia Pernambucana de Teatro, enganando o prefeito da cidade de Parnamirim-PE e vários outros funcionários daquela administração municipal”, informou o comandante do 4º BPM.

Ele teria aplicado o golpe também em Oeiras-PI e nas cidades de Moreilândia, Granito e Exu, todas da região do Cariri pernambucano.

O suspeito foi conduzido para a Central de Flagrantes de Picos e deve ser autuado por estelionato.

 

 

 

CidadeVerde

BANNER FINAL MATÉRIA 01

Deixe um comentário